Engenharia genetica

Trabalho de biologia proposto pelo docente José Salsa, com o interesse de nos dar a conhecer e de poder também informar outros cibernautas sobre este tema, principalmente abordando os assuntos éticos e sociais que a engenharia genética acarreta. Bem vindo ao mundo, onde os sonhos e os maiores medos são realidades!

quinta-feira, março 23, 2006

é seguro consumir alimentos geneticamente modificados?


A UE irá assegurar a inexistência na Europa de alimentos geneticamente modificados que representem um risco para o consumidor.
Actualmente, os alimentos geneticamente modificados têm de ser aprovados pela UE para poderem ser comercializados na Europa.
Para ser aprovado, um alimento geneticamente modificado deverá ser sujeito à Avaliação de Risco Alimentar. Entre outros, são considerados os seguintes pontos:
Existe diferença entre os alimentos geneticamente modificados e os seus equivalentes não modificados? Entre outras, são efectuadas comparações em termos de gordura, proteínas, vitaminas e toxinas.
As novas substâncias ou matérias dos alimentos geneticamente modificados podem afectar os consumidores? Os valores nutricionais estão alterados? Os alimentos poderão tornar-se tóxicos ou causar reacções alérgicas?
Em alguns casos, são efectuadas experiências de alimentação de cobaias animais com estes produtos.
É difícil saber o que o futuro reserva ou prever as possíveis consequências a longo prazo da ingestão de produtos geneticamente modificados.
Em 1994, foi lançado no mercado norte-americano o primeiro produto geneticamente modificado - um tomate. Desde então, muitos mais surgiram e o consumo de alimentos geneticamente modificados tem-se tornado uma prática comum. As pessoas consomem alimentos geneticamente modificados há relativamente pouco tempo. Poderá, portanto, haver efeitos a longo prazo que ainda se desconhecem.
Os americanos são os que consomem alimentos geneticamente modificados há mais tempo, ingerindo hoje em dia este tipo de alimentos diariamente. Estima-se que cerca de 65% dos produtos disponíveis nos supermercados americanos contenham ingredientes geneticamente modificados em maior ou menor percentagem.
Estudos realizados nos EUA mostram que os americanos encaram com tranquilidade a modificação genética. Acham que deve ser seguro porque já consomem alimentos geneticamente transformados sem adoecerem.

www.bionetonline.org

1 Comments:

  • At 10:15 da tarde, Anonymous Anónimo said…

    Very nice! I found a place where you can
    make some nice extra cash secret shopping. Just go to the site below
    and put in your zip to see what's available in your area.
    I made over $900 last month having fun!

    make extra money

     

Enviar um comentário

<< Home